}catch (ex){}

Planilha de gastos pessoais

Planilha de gastos pessoais

TREINE SUA EQUIPE!

TREINE SUA EQUIPE!

CONSULTORIA EFICIENTE!

CONSULTORIA EFICIENTE!

Certamente, ter uma planilha de gastos pessoais é de extrema importância para controlar as suas finanças e saber exatamente onde se precisa economizar naquele mês.

Dessa forma, a seguir vamos mostrar o passo a passo para construir uma planilha de gastos pessoais bastante simples.

Por que é importante observar as despesas em uma planilha de gastos pessoais

Afinal, sabendo o que gastei, vai me ajudar a recuperar o dinheiro que não tenho mais? Claro que não! Certamente, ninguém vai devolvê-lo para você, só porque você escreveu no papel o que você comprou.

No entanto, observando suas despesas, você está certo de que ninguém vai roubar seu dinheiro futuro. Eu vou explicar.

Contudo, se você anotar as despesas em uma planilha de gastos pessoais, após um curto período de tempo, você saberá para onde está indo o seu dinheiro.

Ademais, você também saberá quando o dinheiro foi gasto em cada categoria: pagamentos em casa, roupas, comida, entretenimento, etc. Por isso, a partir de agora, você sempre pode verificar o que você gastou em cada item.

Bem, mas como isso vai me ajudar a gastar menos?

Primeiramente, vamos enfrentar a realidade. Você não se torna rico apenas escrevendo suas despesas todos os dias. No entanto, ao escrevê-las e analisá-las, você pode planejar as despesas do próximo mês. Isso é o que chamamos de ter o controle das finanças.

Anotar as despesas em uma planilha de gastos pessoais é uma parte fundamental do orçamento familiar.

Contudo, você não pode fazer um bom orçamento sem anotar as despesas em uma planilha de gastos pessoais, porque sem isso você não será capaz de planejar bem suas despesas no futuro.

Entretanto, aqui você tem, 3 grandes benefícios que implicam no registro de suas despesas:

  • Você entenderá seus hábitos financeiros e poderá tomar decisões de compra mais informadas (melhores).
  • Você saberá os preços e despertará sua sensibilidade para eles. Com as informações de suas despesas, você poderá comparar os preços dos produtos e finalmente pagar menos.
  • Você será capaz de planejar suas despesas futuras e assumir o controle de suas finanças.

Eu não quero anotar as despesas em uma planilha de gastos pessoais

Mas afinal, o que acontece se eu não quiser? Aliás, quando não preciso anotar as despesas?

Certamente, se sua situação financeira é muito boa, você sente que tem todo o controle, sabe onde vai o seu dinheiro, você não tem dívidas e não tem problemas em gastar “demais”, então não precisa anotar suas despesas. Você também não precisa de um orçamento familiar.

No entanto, se você estiver aqui, provavelmente estará precisando e o orçamento é a ferramenta número um para ajudá-lo a atingir suas metas financeiras.

Conheça os 10 tipos de marketing

1º Passo – confeccionar a planilha de gastos pessoais

Abra uma página do Excel e entre em uma das abas. A página que você usa deve estar em branco, isto é, deve ser nova.

Em seguida, comece a inserir os dados, para que você continue a escrever na caixa A1 a data do ano em que você está controlando as despesas, suponha Ano 2019, na célula B1 de janeiro, em C1 de fevereiro e assim por diante de março a dezembro, sendo a última célula em que você tem que escrever a palavra “Totais”.

Contudo, nas caixas A2, A3 e sucessivas, os diferentes tipos de despesas domésticas são: hipoteca, automóvel, alimentação, luz, telefone, etc. Na última célula, você nomeará “Total do mês”.

 

ANO DE 2019 JANEIRO FEVEREIRO MARÇO ABRIL MAIO JUNHO JULHO AGOSTO SETEMBRO SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO TOTAIS
HIPOTECA
AUTOMÓVEL
COMIDA
ROUPAS
LUZ
GÁS
TELEFONE
OUTROS
TOTAL DO MÊS

2º passo – inserir os dados dos meses e despesas

Em seguida, nas células em que os dados são de janeiro a dezembro e em cada tipo de despesa, o que você precisa fazer é inserir os valores para os quais cada um deles vai até que você conclua a tabela completamente.

ANO DE 2019 JANEIRO FEVEREIRO MARÇO ABRIL MAIO JUNHO JULHO AGOSTO SETEMBRO SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO TOTAIS
HIPOTECA 500 500 500 500 500 500 500 500 500 500 500 500
AUTOMÓVEL 250 250 250 250 250 250 250 250 250 250 250 500
COMIDA 450 450 400 460 500 450 350 300 340 600 560 340
ROUPAS 200 100 100 150 240 400 400 50 300 50 0 550
LUZ 40 45 45 55 50 50 55 60 30 35 35 60
GÁS 60 60 60 60 64 64 67 67 67 67 70 70
TELEFONE 23 22 21 22 24 24 24 25 22 22 22 24
OUTROS 64 63 12 10 0 0 15 88 60 5 10 150
TOTAL DO MÊS

3º passo – somatório

Localizado na coluna de janeiro, dentro da célula em branco que segue a última caixa com dados, pressione duas vezes consecutivas no ícone de somatório que está localizado acima nas opções, a soma das despesas totais do Janeiro, repita a operação pelo resto dos meses.

Analogamente na coluna de cada uma das despesas.

Contudo, você pode melhorar a aparência do gráfico formatando as caixas, por exemplo, colocando negrito ou colorido nos títulos das linhas e colunas, nos totais, à sua escolha.

ANO DE 2019 JANEIRO FEVEREIRO MARÇO ABRIL MAIO JUNHO JULHO AGOSTO SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO TOTAIS
HIPOTECA 500 500 500 500 500 500 500 500 500 500 500 500 6000
AUTOMÓVEL 250 250 250 250 250 250 250 250 250 250 250 500 3250
COMIDA 450 450 400 460 500 450 350 300 340 600 560 340 5200
ROUPAS 200 100 100 150 240 400 400 50 300 50 0 550 2540
LUZ 40 45 45 55 50 50 55 60 30 35 35 60 560
GÁS 60 60 60 60 64 64 67 67 67 67 70 70 776
TELEFONE 23 22 21 22 24 24 24 25 22 22 22 24 275
OUTROS 64 63 12 10 0 0 15 88 60 5 10 150 477
TOTAL DO MÊS 1587 1490 1388 1507 1628 1738 1661 1340 1569 1529 1447 2194 19078

Aprenda hoje mesmo como fazer um instagram de sucesso

Permaneça atualizado em planilhas do Excel

Certamente, este modelo que você pode fazer no Excel ou em outras planilhas, ajuda você a controlar suas despesas, as etapas são muito semelhantes em todas elas.

Você também pode usar o programa do Excel e outros semelhantes para criar esses outros modelos:

  • Tabelas de multiplicação com o Excel
  • Lista de convidados para uma celebração
  • Resultados de jogos de futebol

Afinal, uma planilha de gastos pessoais ajuda bastante a tornar seu dia mais eficiente.

Orçamento diário ou orçamento mensal?

Será no orçamento pessoal em que você definir com toda a exatidão possível a renda esperada e, consequentemente, as despesas que você poderá enfrentar com elas, ordenados cronologicamente com o nível de detalhe que você considera conveniente.

Neste ponto, deve-se especificar que existem pessoas que fazem orçamentos com um detalhe diário, dessa forma, poder realizar um controle de tesouraria que alerta de qualquer momento em que possa haver um problema de liquidez.

Com efeito, imagine que em um mês específico você saiba que receberá o recibo do seguro da casa, de um valor de 600 reais. Contudo, é possível que a contagem total do mês vá ter nenhum problema para atender a essa despesa, mas imaginar que o recibo de seguro entrará no dia 15 e seu salário não alcança a sua conta até o dia 25.

Dessa forma, se não há dinheiro suficiente para que dia 15 você possa pagar os 800 reais de seguro, um orçamento diário iria alertá-lo da situação, permitindo que você tome as decisões adequadas.

Certamente, fazer um orçamento diário será especialmente conveniente nos casos em que não temos um suporte importante para lidar com as despesas de cada mês sem problemas.

Mas afinal, como você pode imaginar, esse é o orçamento que exige mais trabalho, porque seu nível de precisão é alto. Contudo, o mais usual será fazer um orçamento mensal de despesas, com o qual observar o saldo de despesas e receitas de cada mês. Por isso, uma planilha de gastos pessoais ajuda bastante.

Aprenda o que é liderança democrática clicando aqui

A importância de seguir o orçamento pessoal

Certamente, fazer o orçamento pessoal é uma tarefa importante, é claro, mas muito mais importante é monitorá-lo à medida que incorrermos em despesas. Porém, é inútil ter um orçamento se no momento da verdade é que gastamos sem levar isso em conta.

Assim sendo, como a própria palavra indica, um orçamento nada mais é do que uma série de despesas e receitas futuras que “presumimos”. Portanto, se nossa suposição estiver errada, devemos ser capazes de fazer os ajustes necessários para que nossas finanças pessoais não deem errado.

Imagine que seu orçamento mensal considerasse que no mês de março você receberia uma conta de gás no valor de 40 reais. No entanto, o inverno passado foi mais frio do que o esperado e, no final, a conta de gás subiu para 90 reais.

Contudo, você deve estar ciente desse custo extra, quanto mais cedo melhor, porque permitirá que você ajuste outros itens do orçamento para que o saldo do mês atual continue sendo o orçamento ideal.

Por exemplo, nesse mês você pode reduzir os 50 reais que gastou mais em gasolina no item de despesas que você destinou para excursões.

A coisa realmente interessante sobre o orçamento é poder gerenciar suas finanças pessoais como se você fosse uma empresa.

Contudo, seus recursos (renda) são limitados e você certamente deve gerenciá-los adequadamente para que chegar no final do mês não se torne uma aventura de fim incerto. Assim sendo, seu orçamento deve ser o roteiro que o levará a um final feliz, e qualquer desvio dele deve ser corrigido a tempo.

Dessa forma, uma planilha de gastos pessoais pode melhorar tudo isso.

Monitorar despesas fora do orçamento

Certamente, outra das grandes vantagens de um orçamento pessoal é reduzir os temidos gastos compulsivos. Contudo, em maior ou menor grau, todos nós temos um consumidor compulsivo dentro de nós. Quem não foi tentado a comprar esse novo modelo de tablet com uma tela muito maior?

Ou aquela bolsa preciosa que se encaixa tão bem com o vestido vermelho? Até hoje, estamos constantemente expostos a tentações comerciais, e lidar com isso não é fácil se não tivermos um orçamento pessoal.

Dessa forma, se não sabemos exatamente o dinheiro que temos disponível e as despesas que temos de enfrentar no futuro, podemos inconscientemente tentar nos convencer de que podemos pagar sem problema esse “capricho” que acaba de cruzar nosso caminho.

Vamos para um exemplo

O “eu vou levá-lo” é um pensamento bastante comum nessas situações, mesmo que não tenhamos a mais remota ideia de se há o suficiente para pagar esse item.

Aliás, o orçamento pessoal nos permite, desde o início, filtrar as despesas que não são planejadas ou se encaixam em qualquer parte de nosso orçamento.

Ademais, se eu quiser fazer essa escapadela de fim de semana que acabou de entrar por e-mail ao preço incomparável de 100 reais e eu não tiver um plano de excursões (ou similar) no meu orçamento, eu deveria manter essa despesa até estudar em detalhes se eu posso encaixar essa despesa no mês.

Assim, depois de ter verificado que reduzindo um pouco outros gastos, também destinados ao lazer (os de “cinema e teatro” e “shows”, por exemplo) sou capaz de enfrentar sem problema esse gasto de 100 reais, então posso me lançar com toda convicção e segurança para pagar por esse final de semana que eu tanto quero.

Contudo, é até aconselhável sempre deixar um valor destinado para “caprichos” em nosso orçamento, como sempre aparece um ou outro, e assim teremos fixado o custo que a cada mês podemos alocar para aquelas despesas que, embora não inteiramente necessárias, fazem parte nossa realidade.

Uma planilha de gastos pessoais ajuda bastante em todo esse processo.

Siga esse modelo de marketing estratégico! 

Com que frequência você registra as despesas?

Afinal, este é o ponto em que muitas dúvidas surgem.

Pessoalmente, o que funciona melhor para muitas pessoas é anotar as despesas diariamente na sua planilha de gastos pessoais. Eventualemtne, no final do dia, sente-se ao computador, pegue todos os recibos do dia e distribua suas despesas entre as categorias do seu orçamento. Use o orçamento no Excel como mostramos no passo a passo. Todo o processo leva de 5 a 10 minutos.

Contudo, se você fizer isso pela primeira vez, é normal que você demore um pouco mais. Não se preocupe, pois todos os dias será mais fácil e rápido fazê-lo. Assim, você tem que ser sistemático, e depois de algumas semanas, anotar as despesas se torna um dos seus hábitos.

Certamente, uma planilha de gastos pessoais ajuda bastante a tornar seu dia mais eficiente.

 

 

 

 

TREINE SUA EQUIPE!

TREINE SUA EQUIPE!

CONSULTORIA EFICIENTE!

CONSULTORIA EFICIENTE!

There are no comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart