}catch (ex){}

Marketing médico: como atrair e fidelizar clientes

CONSULTORIA EFICIENTE!

CONSULTORIA EFICIENTE!

TREINE SUA EQUIPE!

TREINE SUA EQUIPE!

marketing médico

O marketing médico é uma das aéreas do marketing que mais demandam atenção. Isso porque esta forma de marketing, por vender um produto essencial a vida humana, precisa se feita com cuidado e respeitando os limites éticos da medicina.

O grande erro que muita pessoas cometem nessa área é ver o marketing exclusivamente como uma forma de publicidade. Nesse contexto muitos médicos e proprietários de clínicas não conseguem formular boas estratégias para os seus negócios.

Portanto, para desenvolver um bom marketing médico e aplicar as melhores ferramentas com sucesso é preciso ultrapassar essa visão limitada e pensar além!

Portanto, nesse artigo trazemos dicas incríveis para você começar hoje mesmo a dar aquele upgrade no marketing dos negócios em saúde. Confira.

1. Marketing médico: você sabe o que é?

O marketing médico envolve toda e qualquer atividade que te ajude a melhorar a percepção das pessoas sobre o seu trabalho na aérea de saúde, para atrair e fidelizar clientes. Basicamente, implica em estratégias de divulgação, relacionamento e experiência com o público.

O consumidor atual é muito mais exigente, e isso não é nenhuma grande novidade. Quando se trata de serviços médicos também não é diferente e os consumidores podem ser ainda mais rigorosos, afinal estão comprando serviços e produtos que envolvem diretamente sua saúde e bem estar.

Divulgar seus serviços e atendimento é a melhor forma de mostrar aos seus clientes a seriedade e a confiabilidade do seu trabalho. Portanto, você não pode ficar só naquelas velhas estratégias de propagandas repetitivas, seja no rádio ou na televisão.

Portanto, pensar em estratégias inovadoras, mas que transmitam seriedade e fujam do velhos jingles que a maioria das pessoas conhecem, é fundamental. É importante salientar que o marketing médico vai muito além de fazer publicidade da sua clínica ou consultório.

Lembre-se dos elemento básicos do marketing: criar, comunicar e entregar valor para o seu público. Isso vai muito além do que expor seus produtos e serviços.

Nesse contexto, é bom adiantarmos que um bom marketing médico pode trazer inúmeros benefícios ao seu negócio, como:

  1. Melhorar a lucratividade;
  2. Melhorar também a sua autoridade;
  3. Diferenciar você dos concorrentes;
  4. Preparar seu público alvo para receber e comprar novos serviços.

As vantagens do marketing médico

Como em qualquer outro setor, mostrar o valor do seu serviço e porque ele é melhor que o dos concorrentes é essencial.

Na aérea médica as pessoas nem sempre escolhem o produto mais barato, mas dificilmente vão contratar os seus serviços se não sentirem confiança, seriedade e um diferencial: sentirem-se valorizadas do ponto de vista humano.

Uma das maiores vantagens do marketing médico é a capacidade que ele dá ao proprietário de um negócio da saúde em criar um bom vínculo de relacionamento com o cliente.

Isso acontece porque um dos seus principais focos é justamente a comunicação. Lembre-se: a competência ainda é o melhor marketing que você pode fazer em qualquer setor, mas é preciso mostrar isso ao cliente, especialmente para indivíduo que nunca usou seus serviços antes.

Outra vantagem dessa aplicação do marketing é tornar o seu atendimento mais humano, priorizando fatores como:

  1. Criar canais de comunicação com o cliente, incluindo canais online;
  2. Colocar o paciente como protagonista do serviço;
  3. Manter a transparência e a ética nas suas relações.

Portanto, pense suas estratégias de forma que contribuam para criar uma relação mais positiva, amigável, duradoura, prestativa e empática com seus clientes, mas também com seus colaboradores e distribuidores.

E por fim, um terceiro ponto a destacar é o fortalecimento da identidade da sua marca. Com o marketing você pode desenvolver uma entidade visual e um nome conceituado no mercado. Assim, quando as pessoas virem a sua marca ou ouvirem o nome do seu empreendimento vão saber imediatamente de quem se trata.

E mais: na hora de indicar um bom serviço médico, se o nome do seu empreendimento estiver na memória delas e com associações positivas, elas vão recomendar seus serviços a amigos, familiares e conhecidos!

2. Marketing Médico: conheça bem o público alvo

O primeiro ponto a considerar é o seu ramo de atuação. Se você é um médico e tem um consultório, pergunte-se: que tipo de pacientes procura um médico como eu?

Mas, se você é proprietário de uma clínica, considere o leque de serviços que você oferta e a composição das especialidades médicas do seu empreendimento, questionando-se também: que tipo de pessoa precisa dos meus serviços?

Conhecer o público é fundamental. Saiba bem qual a faixa etária média, porcentagem de gênero, classe social, faixa de renda e principais problemas de saúde dos pacientes que lhe procuram. De posse de tudo isso você fará um marketing muito mais assertivo.

Não se esqueça de também de verificar quais os principais meios de comunicação que seus pacientes utilizam. O motivo é óbvio: você precisa estar presente neles.

Já adiantamos que com certeza você vai precisa desenvolver alguma estratégia de marketing digital, ter um site e estar presente nas redes sociais. Se tiver alguma dúvida dá uma olhada nesse nosso outro artigo Marketing Digital.

E claro, o rádio e a televisão são boas escolhas, especialmente se o seu público for mais velho.

Portanto, no marketing médico há muitas atividades usuais de outras aéreas do marketing que fazem uma boa figura como:

  1. Planejamento estratégico;
  2. Relação pós-consulta;
  3. Oferta clara de serviços destacada.

Fique alerta: seu paciente vai pesquisar sobre você

Pode ter certeza que antes de usar seus serviços a maioria dos seus pacientes vai buscar referências do seu trabalho. Muitos deles vão fazer isso na internet.

E não se engane, mesmo que seu público seja da terceira idade e não tenha aquela predileção por tecnologia, eles tem familiares, filhos e netos que farão isso por eles!

Portanto, tenha em mente que ter um site, um blog e uma boa página nas redes sociais é fundamental para dar maior visibilidade ao seu empreendimento. E não se esqueça de monitorar a sua reputação, esteja presente, acompanhe comentários, curtidas e compartilhamentos. Ficar mal falado no ramo médico pode ser um caminho sem volta.

Tenha em mente que seus pacientes são pessoas conectadas, que se informam cada vez mais. E não se esqueça: a sociedade não é mais como antes, o velho tempo apenas do marketing boca a boca passou. O marketing hoje é muito mais do que isso, e na aérea médica não é diferente.

É essencial no marketing médico:

  1. Cuidar da sua reputação online e offline;
  2. Estar presente na internet;
  3. Manter contato frequente com o público alvo.

3. Marketing Médico: principais estratégias

Portanto, depois que você tiver um bom conhecimento do seu público alvo e entender como as pessoas vão pesquisar sobre você, seus serviços e sua reputação, é hora de focar nas estratégias do marketing médico propriamente.

Tenha sempre bem vívida a ideia de que um marketing bem realizado vai criar uma relação mais estreita com o público, ou seja, com seus pacientes. Mas, para isso é importante a algumas estratégias essenciais.

Acompanhe.

Fique de olho na concorrência

Você sabe o que os demais profissionais do seu ramo e região estão fazendo para promover seus empreendimentos e serviços? Se a sua resposta foi não é melhor rever suas estratégias.

Conhecer a concorrência é fundamental para que você possa se posicionar no mercado e investir em diferenciais para se destacar de maneira positiva.

Concentre-se no atendimento

O atendimento é mais amplo, ele não acontece só no momento da consulta. Ele começa já no momento em que o paciente entra na sua clínica e vai até o momento pós-consulta.

Portanto, tenha um ambiente acolhedor, um sistema de agendamento eficiente e um canal de pós venda fácil e rápido para seus clientes usarem.

Estude e invista em cursos na aérea de marketing médico

Você pode ser um excelente médico, mas se não souber vender seus serviços de nada vai adiantar. Ter alguma capacitação em marketing é importante para que você saiba o que está fazendo e possa encontrar as soluções certas.

Quer entender melhor porque o marketing é importante e saber mais sobre essa profissão? Confira essa matéria do Guia do Estudante: Marketing curso e carreira.

Faça uma boa divulgação

O principal ponto aqui é saber como fazer sua clínica ser lembrada pelos seus pacientes.

Você pode usar as ferramentas tradicionais como folhetos, rádio e TV, mas o essencial é que seu empreendimento, seja um consultório ou até mesmo um hospital, tenha uma identidade visual própria.

Invista em cores, formas e capriche em um nome comercial atrativo.

Trabalhe dentro dos limites da ética

Lembre-se: diga a verdade, não omita informações essenciais, seja transparente e invista em marketing humanizado. Você trabalha em uma aérea que lida com vidas, não apenas os consumidores, mas a legislação é mais rigorosa também.

Em absoluto: jamais prometa o que seu tratamento, remédios ou sua própria capacidade médica não podem fazer!

Por fim, deixamos para você o Manual de Publicidade Médica, do Conselho Federal de Medicina. Assim você pode fazer um excelente marketing médico e ficar em dia com a ética.

CONSULTORIA EFICIENTE!

CONSULTORIA EFICIENTE!

TREINE SUA EQUIPE!

TREINE SUA EQUIPE!

There are no comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart